SBPC convida comunidade científica contra MP anticiência

19/09/2022

SBPC convida comunidade científica contra MP anticiência

SBPC convida comunidade científica a se manifestar contra MP anticiência

Sociedades afiliadas à SBPC e instituições: participem da mobilização para derrubar a MP 1136 que ataca o FNDCT. Grave depoimento em vídeo, compartilhe cards em suas redes e marque a @sbpcnet

Com o objetivo de derrubar a Medida Provisória 1.136, de 26 de agosto de 2022, que limita ainda mais os repasses de recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento Científico (FNDCT) às instituições de ciência e pesquisa, a Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) convida integrantes das sociedades afiliadas e entidades científicas e acadêmicas a manifestarem publicamente repúdio a essa manobra do Governo Federal. Ao longo desta semana, a SBPC compartilhará os vídeos dos representantes da comunidade científica postados em suas redes sociais contra mais este recente ataque ao setor de ciência, tecnologia e inovação brasileiro.

Entre os representantes da comunidade científica que se manifestaram está Paulo Artaxo, vice-presidente da SBPC e professor titular do Instituto de Física da Universidade de São Paulo. Para ele, a manobra realizada pelo governo coloca uma “pá de cal” no futuro do Brasil. “Isso condena o Brasil a um obscurantismo que é inaceitável no mundo moderno de hoje. O Brasil precisa de ciência, precisa de uma população educada, precisa de inovação tecnológica para poder competir com as nações mais desenvolvidas”, afirma.

O presidente da SBPC, Renato Janine Ribeiro, divulgou seu vídeo na última sexta-feira, 2 de setembro. Em sua fala, ele denuncia que a MP 1136 corta verbas essenciais para ciência, tecnologia e inovação, que estão protegidas por uma lei complementar. “É mais uma medida realizada pela Presidência da República para anular ou suspender a execução de leis aprovadas pelo Congresso”, afirma. “O Congresso não pode aceitar, e a sociedade tem que repudiar”, completou.

Sidarta Ribeiro, professor titular de Neurociências do Instituto do Cérebro da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e membro do Conselho da SBPC, ressalta em seu vídeo publicado no seu Instagram, que a medida provisória é um crime de lesa pátria. “Essas pessoas estão querendo destruir o Brasil. O Congresso deve devolver a MP 1.136. Não deve nem analisá-la, pois ela consiste em um crime contra o nosso futuro”, disse.

Participe desta mobilização para derrubar a MP 1136 que ataca o FNDCT gravando seu depoimento, postando em suas redes e marcando a @sbpcnet. A SBPC também disponibilizará artes de cards para redes sociais. Basta fazer o download em nossa página e, se desejar, adaptar com o logo de sua instituição.

SBPC

SBPC convida comunidade científica contra MP anticiência